Leia artigo de Bonifácio Andrada: Os restos mortais de Jango

Artigo do deputado federal Bonifácio Andrada (PSDB-MG)

Após 37 anos, os restos mortais de João Goulart são levados de São Borja, no Rio Grande do Sul, para Brasília, debaixo de um cenário de grande publicidade, obedecendo a um ritual preparado pelo governo, com a presença de personalidades do ambiente oficial da presidenta e de alguns ex- presidentes.

É estranho que esse deslocamento dos restos mortais do ex-presidente para Brasília tenha sido precedido pela sua exumação em São Borja, para que fosse realizada pesquisa técnico-científica das causas de sua morte, diagnosticada como decorrente de problema cardíaco, na época do falecimento.
Continuar lendo

O Manifesto dos Mineiros, por Bonifácio Andrada

Artigo do deputado federal Bonifácio Andrada (PSDB-MG)

Minas Gerais comemorou com generalizado respeito e apreço histórico a data do chamado “Manifesto dos Mineiros” de 1943, quando personalidades ilustres do estado lançaram seu protesto contra a ditadura de Getúlio Vargas.

O Manifesto, de claros objetivos democráticos e inspirado no velho espírito liberal de Minas, teve a maior repercussão e expressou, de certa forma, a continuação de lutas contra à ditadura, sendo de se destacar o episódio ocorrido em fins de 1942, quando o ex-presidente mineiro Antônio Carlos Ribeiro de Andrada, através de notável entrevista ao jornalista Samuel Wainer, fez declaração contraria a ditadura e ainda a carta subscrita por Armando Sales de Oliveira, o valoroso líder paulista exilado na Argentina, que se dirigiu ao povo brasileiro logo após a manifestações dos mineiros. Ele fora candidato oposicionista a Presidência da Republica em principio de 1977, antes do golpe.

Continuar lendo

Governo sob perigosa situação, por Bonifácio Andrada

Artigo do deputado federal Bonifácio Andrada (PSDB-MG)

O país continua assistindo, em várias capitais e em cidades de populações maiores, situações generalizadas de perigo e de insegurança que inquietam as comunidades. Os tristes espetáculos que os noticiários nos mostram demonstram o descontentamento popular que invade todas as regiões, às vezes com conflitos de consequências malignas, muitas das vezes com manifestações ruidosas.

O país vive em clima de desordem e de generalizadas contestações, onde as minorias atuantes estimulam a maioria das pessoas que se concentram, sobretudo, nas ruas de São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, dentre outras capitais. Tudo, porém, revela que uma minoria de indivíduos mascarados, denominados Black Bloc, comandam as atitudes de grupos que se concentram nas ruas.

Continuar lendo

Realidade brasileira, por Bonifácio Andrada

Artigo do deputado federal Bonifácio Andrada (PSDB-MG

Vários episódios dominam a vida política e social do país. Todavia, o que constitui o fato mais grave são as agitações violentas nas grandes cidades, provocando conflitos com a polícia e, às vezes, depredações contra bens particulares e públicos. Verifica-se, ainda, que nas principais cidades do país e, em especial, nas capitais, os episódios de subversão da ordem vêm se multiplicando, como atestam as informações jornalísticas e os noticiários das TVs. Continuar lendo

Na TV Câmara, Bonifácio Andrada aborda surgimento do Parlamento brasileiro

Exibido pela TV Câmara, o “Conversa Franca” traz o deputado Bonifácio Andrada (PSDB-MG) como destaque. O tucano é descendente do Patriarca da Independência, José Bonifácio, o mais famoso dos Andrada, família que está no Congresso há 190 anos.

Nesta primeira temporada o programa trata dos 190 anos do Parlamento Brasileiro, da sua constituição aos momentos de crise, como durante a ditadura Vargas e a dos militares, passando por grandes momentos da democracia brasileira.

Juristas, historiadores, cientistas políticos e parlamentares analisam no primeiro programa o perfil do primeiro Congresso Nacional, criado por Dom Pedro I. Qual a legitimidade daqueles representantes da população? Esse início influenciou as gerações de políticos que surgiram nas décadas seguintes? Confira abaixo vídeo completo, que tem duração de 21 minutos. Assista

Fonte: Diário Tucano

Leia artigo de Bonifácio Andrada: Revisão Constitucional

Artigo do deputado federal Bonifácio Andrada (PSDB-MG)

Verifica-se nos contatos com diversas áreas da sociedade que há uma generalizada crítica a algumas decisões do governo federal como, por exemplo: a construção da ferrovia central do país, que vai do Sul ao Norte, passando por Tocantins, como ainda a transposição do Rio São Francisco. São obras praticamente abandonadas e sem planejamento desde o início, provocando variadas impugnações ao comportamento da administração.

Ao lado dessas falhas administrativas graves, percebemos parcelas significativas da sociedade brasileira que revelam descontentamento com os resultados da nossa legislação e mesmo as imperfeições da Constituição Federal, sobretudo no que diz respeito à Federação, ao relacionamento dos poderes, e às providências referentes à manutenção da ordem contra violências, conflitos urbanos e rurais.

Em face dessas observações é de se concluir que o país necessita de uma ampla reforma constitucional, que possa reestruturar os ordenamentos básicos do país, que contêm sérias deficiências políticas.

Sendo assim, uma campanha em favor da reforma constitucional ou mesmo a convocação de um Congresso Constituinte respeitadas as cláusulas fundamentais da Constituição, representa uma atitude que o nosso povo precisa obter para alcançar melhores dias para a nossa Pátria.

Governo tucano em MG dá o exemplo ao lançar penitenciária em parceria com a iniciativa privada

O Governo de Minas Gerais mostra ao país um jeito novo de administrar ao lançar a Unidade I do Complexo Prisional Público Privado, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte. A avaliação é dos deputados Eduardo Azeredo (PSDB-MG)Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) Marcus Pestana (PSDB-MG). O modelo adotado no estado foi inspirado na experiência inglesa, obedecendo a 380 indicadores de desempenho definidos pelo governo mineiro. A transferência dos detentos começou nesta sexta-feira (18).

Para Azeredo, o governo de Minas inova ao inaugurar o novo complexo prisional, ao contrário do que faz o PT. “Minas Gerais mostra o seu caráter de modernidade na administração pública. É uma experiência importante e que mostra o pioneirismo do nosso estado”, opinou.

Andrada afirma que o presídio trará reflexos positivos ao sistema. Segundo ele, a opção de estudar e trabalhar dentro da cadeia vai ter avanços significativos na ressocialização do detento. “Vai iniciar ali um tipo de atividade de recuperação dos presos e vai ter um êxito muito grande, servindo de exemplo para outras partes do país. Ao tomar essas providências e transformar a penitenciária em uma unidade mais moderna, mais atuante e de acordo com as exigências do nosso tempo, está dando um passo significativo de ordem social”, ressaltou. Continuar lendo