“Temos hoje uma crise social de dimensões extremamente graves”, afirma Aécio Neves no Recife

IMG_8736

No Recife, capital pernambucana, para participar do Seminário “Caminhos para o Nordeste – Mobilidade Urbana”, promovido pelo PSDB em parceria com o Instituto Teotônio Vilela (ITV), nesta sexta-feira (27/11), o presidente do PSDB, senador Aécio Neves, afirmou que o Brasil vive hoje uma crise social de dimensões graves, e que pode se aprofundar ainda mais no futuro.

“Não temos mais no Brasil uma crise econômica. Não temos apenas no Brasil, como se isso fosse pouco, e não é, a mais grave crise moral da nossa história democrática. Nós temos hoje uma crise social de dimensões extremamente graves e que, infelizmente, se aprofundará ainda mais nos próximos meses”, disse Aécio Neves.

O presidente tucano voltou a criticar também a distribuição de ministérios e cargos federais pelo governo em troca de votos da base aliada no Congresso Nacional.

“O projeto de governo do PT hoje é apenas um: manter-se no poder por mais algum tempo, custe o que custar. Distribua-se o que for necessário de cargos, de vantagens, de emendas, mas nem isso vai ser suficiente, na minha avaliação, para que a presidente Dilma conclua o seu mandato. Porque há algo mais forte, algo que se impõe com muito maior vigor, que é a realidade da vida das pessoas”, avaliou Aécio.

O presidente do PSDB destacou que o governo da presidente Dilma Rousseff erra ao compreender a pobreza apenas na vertente da privação da renda, deixando de lado importantes políticas na área da educação, da qualificação profissional, da saúde básica, da economia.

“Não compreender a pobreza como um conjunto de privações, na verdade é ter uma visão míope e que permite apenas a administração diária dela, e é o que o PSDB sempre se negou a fazer. Queremos políticas públicas que nos permitam a superação definitiva da pobreza”, salientou.

Caminhos para o Brasil

Em busca de soluções para os problemas enfrentados pela população em várias regiões do país, o PSDB e o ITV têm promovido seminários por todo o Brasil. Este ano, o partido já discutiu temas como segurança pública, energia, competitividade e meio ambiente. Nesta sexta, o tema foi mobilidade urbana, que para o senador Aécio é um dos maiores desafios do Brasil contemporâneo.

“Esse desafio não foi enfrentado por esse governo. Ao contrário, tivemos uma grande ilusão em relação ao anúncio conjunto de investimentos que deveriam ter sido feitos pelo governo federal, mas acabaram não sendo feitos. Fomos na contramão, ao longo desses últimos anos, do que o mundo civilizado propunha e na verdade cumpria, estimulando o transporte individual, do ponto de vista ambiental com todas as suas perversas consequências. Hoje não há uma cidade média, e principalmente grande no Brasil, que não tenha um nó, muitos deles difíceis de ser superados, e Recife é uma dessas cidades, na questão da mobilidade”, avaliou.

Para Aécio, a iniciativa do PSDB mostra de forma muito clara a preocupação do partido com o futuro do país, e evidencia a legenda como a principal alternativa à irresponsabilidade que permeia o atual governo, e que vem “infelicitando o Brasil inteiro”.

“Consolidamos o nosso papel como essa alternativa qualificada, preparada, experiente e corajosa para que esse ciclo perverso de governo do PT possa ser substituído por um outro virtuoso ciclo, onde a ética e a eficiência possam caminhar juntas”, completou.

Leia também Aécio Neves volta a criticar incapacidade da presidente Dilma para tirar o país da crise

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s