Juristas e movimentos sociais apresentam na Câmara pedido de impeachment contra Dilma

Alex-Ferreira-Camara-dos-Deputados

O jurista Miguel Reale Júnior, a filha do fundador do PT Hélio Bicudo, Maria Lúcia Bicudo, e representantes de movimentos sociais protocolaram na manhã desta quinta-feira (17/9) o pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. Parlamentares da oposição participaram da entrega da nova redação do texto na Câmara dos Deputados. Os líderes do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), e da Oposição, Bruno Araújo (PE), acompanharam o ato.

O documento indica problemas de responsabilidade fiscal do governo de Dilma Rousseff, pedaladas fiscais e fatos dos dois mandatos da presidente. “Lutamos contra a ditadora dos fuzis e agora estamos juntos para lutar contra a ditadura da propina”, declarou Reale. O ex-ministro da Justiça afirmou que a corrupção corrói a democracia por dentro, elimina a independência do Congresso com a compra de apoio e precisa ser combatida. Leia a íntegra do aditamento.

Em nome do pai, Maria Lúcia Bicudo reforçou apoio à mudança no governo federal. Para ela, é preciso trilhar um novo caminho, sem mentiras e corrupção. “Temos que abrir esse caminho para que o Brasil seja digno, íntegro e não tenhamos mais a falta de ética e moral reinante há muito tempo”, alertou.

Representante do Movimento Brasil Livre, Fernando Holiday acredita que o impeachment fará justiça a todas as mentiras ditas pela gestão petista. Fernando vem da periferia de São Paulo e sua família tem origem no interior da Bahia. “Minha família passou fome e, durante os últimos 12 anos, fomos obrigados a ouvir que Lula e Dilma tiraram nossa fome. Que foi graças a eles que subimos na vida. Venho em nome de minha família e de tantas outras dizer que isso não é verdade. O que eles mais fizeram pelos pobres foi roubá-los e enganá-los”, frisou.

Em nome do Movimento Vem Pra Rua, Rogério Chequer destacou a legalidade do pedido de impeachment protocolado hoje. Ao contrário do que vem tentando vender o PT, o processo é constitucional e tem base em auditorias técnicas que comprovam o crime de responsabilidade. “Golpe é mentir, enganar o povo brasileiro. Começamos a trilhar um caminho novo para o país, onde nenhum brasileiro, nem mesmo a presidente, está acima da lei”, destacou.

Representando 43 movimentos de rua, Carla Zambelli lembrou que os grupos abriram mão de outro pedido de impeachment por acreditarem na união simbólica com o ex-petista Hélio Bicudo. O fundador do Partido dos Trabalhadores vai ajudar a fechar um ciclo e tirar a corrupção do país, acredita Carla. “A saída do PT é o primeiro passo para a reconstrução de um novo país”, acrescentou.

Nesta semana, a bancada de oposição apresentou questão de ordem pedindo definição sobre as regras de tramitação do processo de impeachment. Eduardo Cunha acatou a questão, mas não deu prazo para respondê-la. Em entrevista nesta quinta, o presidente afirmou que pediu um parecer sobre a questão, que deve ficar pronto até segunda-feira (21). Só então ele decidirá sobre o impeachment.

Ato emblemático

O 1º vice-líder do PSDB na Câmara, Nilson Leitão (MT), destacou o caráter emblemático do pedido de dois grandes juristas, um deles fundador do PT, pelo fim do governo Dilma. “Os movimentos de rua e a oposição estão unidos à bancada suprapartidária que abraça a causa e passa a compreender que o impeachment está muito mais próximo do que alguns imaginam”, afirmou.

A entrega do texto é um passo importante na concretização do desejo popular de impeachment, acredita o deputado Jutahy Junior (PSDB-BA). “Dilma se elegeu baseada na mentira e na corrupção, e isso atinge hoje a vida das pessoas com aumento de juros, da conta de luz, do desemprego, da desesperança”, completou. Na opinião do tucano, o ato de hoje marca um norte na luta pela saída da petista.

A tese de golpe ventilada pelo PT esbarra na legalidade alcançada pelo processo do impeachment, comentou Vanderlei Macris (PSDB-SP). O deputado está confiante de que a vontade da população prevalecerá no Congresso. “Nós estamos já num processo bastante avançado de articulação dos partidos de oposição e muitos dos deputados da base também”, finalizou.

Fonte: Diário Tucano

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s