Descalabro administrativo do PT faz Minas perder grau de investimento

sspp

Depois de rebaixar os ratings de crédito do Brasil e de várias empresas do país, a agência de agência internacional de classificação de risco Standard & Poor’s anunciou nesta sexta-feira (11/9) o rebaixamento da classificação de crédito de longo prazo em moeda estrangeira de alguns estados brasileiros, entre eles Minas Gerais. Os outros são Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina. Na prática, Minas e os demais estados afetados com a decisão estão perdendo o chamado “grau de investimento” e, consequentemente, o selo de “bons pagadores”.

A Standard & Poor’s justificou da seguinte forma o rebaixamento dos ratings dos estados: “Diante do cenário de contração econômica do Brasil, o crescimento econômico, os níveis de emprego e as receitas desses governos locais e regionais sofrerão no restante de 2015 e em 2016”. Além disso, de acordo com a agência, os estados têm habilidade muito limitada para cortar custos, tendo em vista os altos e estruturalmente rígidos gastos operacionais e necessidades urgentes de infraestrutura”. Continuar lendo

Cancelamento de edital da Lei de Incentivo à Cultura é mais uma prova de que o PT governa de costas para o setor

jeitoPT

Reportagem publicada na edição desta sexta-feira (11/9) no jornal O TEMPO revela que a Secretaria de Estado da Cultura de Minas Gerais decidiu não lançar edital para seleção de projetos para Lei Estadual de Incentivo à Cultura (LEIC) relativo ao ano de 2015. Trata-se de mais uma demonstração de que Fernando Pimentel, do PT, está governando o estado de costas para o setor cultural. O processo de desmanche do Circuito Cultural Praça da Liberdade é outro exemplo do descaso da administração petista para com este importante segmento.

A incerteza dos produtores culturais sobre esta questão perdurava desde março. Na ocasião, a secretaria estadual da Cultura anunciou que o teto da LEIC havia atingido seu limite, mas, desde então, não apresentou nenhuma alternativa para o suposto problema. De acordo com a reportagem, a publicação de um comunicado no site da Secretaria anunciando oficialmente que não seria lançado o edital, “gerou desconforto entre os agentes culturais” do estado. Os produtores culturais ficaram mais uma vez desapontados e temorosos com os rumos da cultura em Minas com a administração PT-PMDB no estado. Continuar lendo

Anastasia leva programa de formação do Senado às Câmaras Municipais do Campo das Vertentes

antonio-anastasia-foto-agencia-senado

Encontro Interlegis acontece nesta segunda-feira em Tiradentes e discute pacto federativo e reforma política

O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) (foto) visita nesta segunda-feira (14/9) Tiradentes, no Campo das Vertentes. A cidade recebe a segunda edição mineira, de uma série de eventos promovidos para formação e qualificação para os Legislativos Municipais. O senador mineiro abre o evento falando para políticos, lideranças e técnicos da região sobre o Pacto Federativo e as discussões envolvendo o tema no âmbito do Congresso Nacional.

“O primeiro encontro que realizamos em Minas Gerais, em Unaí, rendeu frutos positivos. Recebemos um bom retorno das Câmaras Municipais. A intenção é fazer com que essa parceria cresça. O Interlegis tem as ferramentas necessárias e um pessoal extremamente qualificado, as câmaras tem a vontade de realizar. Unimos isso nesse encontro, com a discussão de temas importantes. Acredito que será mais uma boa oportunidade para troca de experiências e para o desenvolvimento de um trabalho legislativo nos Municípios ainda mais transparente e produtivo”, afirma Anastasia. Continuar lendo

Tucanos rebatem declarações de ministro e dizem que brasileiros não toleram mais impostos

joaquim-levy1Diferentemente do que pensa o governo da presidente Dilma, a população brasileira não aceita pagar mais impostos. Na quinta-feira, o ministro da Fazenda Joaquim Levy (foto) afirmou que as pessoas entenderiam se tivessem que pagar um pouco mais para ver o país melhor, tese não respaldada na realidade. Na avaliação de deputados do PSDB, o povo espera do governo soluções reais para a crise provocada por erros da gestão petista, sem empurrar a conta para o cidadão pagar.

Pesquisa divulgada pelo Instituto Data Popular mostra que a sociedade já se sente sobrecarregada com tanta tributação e derruba a tese defendida por Levy. Divulgado nesta semana, o levantamento revelou que 68% dos brasileiros acreditam que já pagam muito imposto e 69% não veem retorno nos tributos que pagam. Continuar lendo

PF pede ao STF para ouvir Lula, suspeito de ter se beneficiado pelo “Petrolão”

lula-barbaReportagem publicada na edição online da Revista Época, nesta sexta-feira (11/9) informa que o ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva “é suspeito de ter se beneficiado do Petrolão para obter vantagens pessoais, para o PT e para o governo. ”

A suspeita, conforme a matéria, consta em documento da Polícia Federal (PF), no qual o órgão pede ao Supremo Tribunal Federal (STF) autorização para ouvir Lula no inquérito que investiga políticos na operação Lava Jato.

Época informa que o documento, enviado ao STF, na quarta-feira (09/11), é assinado pelo delegado Josélio Sousa, do grupo da PF em Brasília que atua no caso.

Para a PF, segundo a revista, “os fatos evidenciam que o esquema que ora se apura é, antes de tudo, um esquema de poder político alimentado com vultosos recursos da maior empresa do Brasil”.

E que, “diante de tais suspeitas, a PF elencou a lista de pessoas do “primeiro escalão” que deveriam ser ouvidas. Lula está lá, embora não tenha mais foro privilegiado.”

Confira aqui a íntegra da reportagem

Analista demitida por projeção sobre riscos da reeleição de Dilma será indenizada por danos morais

caneta-grafico-bolsa2Demitida do banco Santander, no ano passado, por conta de uma carta enviada aos clientes que alertava sobre os riscos que a reeleição da presidente Dilma Rousseff poderia trazer à economia, a ex-superintendente de investimentos Sinara Polycarpo deverá receber do banco uma indenização de R$ 450 mil por danos morais. As informações são de reportagem publicada nesta sexta-feira (11/9), no portal InfoMoney.

A matéria foi julgada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2ª Região de São Paulo. Sinara foi demitida pelo banco, onde trabalhou por oito anos, após redigir uma carta, em junho de 2014, em que apresentava um cenário de deterioração da economia brasileira, alta do dólar e queda do Ibovespa, caso a então candidata à reeleição Dilma Rousseff voltasse a subir nas pesquisas de intenção de voto. Continuar lendo

PSDB repudia condenação de líder opositor na Venezuela

Leia nota do presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves

psdb

O PSDB repudia a sentença contra o líder opositor venezuelano Leopoldo López, condenado a 13 anos, 9 meses, 7 dias e 12 horas por suposta incitação à violência.

Recentemente, missão oficial de senadores brasileiros, que integramos ao lado do senador Aloysio Nunes e outros líderes da oposição, foi impedida de visitar Leopoldo López, numa atitude inaceitável de hostilidade contra o Parlamento brasileiro.

A sentença, proferida por um judiciário sabidamente submisso aos desígnios do governo Nicolas Maduro, torna cada vez mais distante a perspectiva de que as eleições legislativas, marcadas para dezembro próximo, venham a ocorrer dentro de um ambiente institucional democrático.

É inaceitável que o governo brasileiro se mantenha indiferente à situação da Venezuela e de López.

O Protocolo de Ushuaia do Mercosul e a Carta Democrática da OEA estabelecem procedimentos e penalidades contra governos que enveredam pela senda do desrespeito aos princípios democrático e aos direitos humanos. E é isso que vem claramente ocorrendo na Venezuela.

O PSDB se solidariza com a esposa de Leopoldo, Lilian, sua mãe Antonieta e com todos aqueles que lutam por uma Venezuela democrática e próspera.

Brasília – 11/9/15