Pimentel se apropria de realizações de gestões anteriores

nova atitude

“Suposta prestação de contas” omite dados e falseia a realidade para tentar enganar os mineiros com resultados inexistentes do PT em Minas

Sem ter o que mostrar como resultado obtido no primeiro semestre deste ano, o governo Fernando Pimentel se restringe a divulgar mentiras, criticar ou tentar assumir a paternidade de programas e iniciativas das administrações anteriores. É isso o que se constata ao ver o balanço de seis meses divulgado pelo PT, uma suposta “prestação de contas” cheia de inverdades e omissões de dados, como denuncia os deputados do bloco de oposição Verdade e Coerência, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Na saúde, o governo do PT diz que assumiu o compromisso de concluir e construir oito hospitais regionais, mas “esquece” de dizer que a gestão passada iniciou os trâmites para construção de 11 novas unidades hospitalares. Pelo visto, o governo desistiu das obras de Montes Claros, que estava em licitação no final de 2014, Novo Cruzeiro e Nanuque, cujos projetos estavam em elaboração. Além disso, o governo do PT chegou a paralisar as obras de dois hospitais neste ano (Governador Valadares e Teófilo Otoni). Continuar lendo

Aécio pede à PGR investigação independente sobre pedaladas fiscais

aecio-janot2

O senador Aécio Neves, presidente do PSDB, defendeu hoje (26/08), durante sabatina do procurador-geral da República, no Senado, que o Ministério Público conclua as investigações sobre as manobras (pedaladas) fiscais cometidas pelo governo federal, de forma independente ao julgamento do processo administrativo que já ocorre no Tribunal de Contas da União (TCU) pela prática de crime fiscal.

O pedido para que as pedaladas fiscais também sejam investigadas pelo MP é fundamentado no Código Penal, que veda prática de crimes contra as finanças públicas.

Na representação feita pelo PSDB, em maio, junto à PGR, o partido demonstra que a presidente da República autorizou por meio de decretos as pedaladas fiscais, com operações de créditos que deviam ter sido aprovadas previamente pelo Congresso e a contratação de despesas sem comprovação de recursos no caixa do governo. Ambas as práticas são vedadas pelo artigo 359 do Código Penal. Continuar lendo

Projeto propõe isenção de impostos estaduais sobre as bandeiras tarifárias amarela e vermelha

Líder da Minoria na Assembleia defende interrupção de cobrança injusta e indevida, o que não interfere na arrecadação estadual
Líder da Minoria na Assembleia defende interrupção de cobrança injusta e indevida, o que não interfere na arrecadação estadual

O deputado Gustavo Valadares (PSDB), líder da Minoria na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), protocolou nesta quarta-feira (26/8) projeto de lei que propõe a isenção de tributos estaduais incidentes sobre a parcela da fatura de energia cobrada em função da bandeira tarifária. A isenção não representará nenhuma interferência à arrecadação estadual,conforme esclarecido na justificativa do PL.

Para o deputado, como a tarifa extra não está relacionada com qualquer tipo de ação por parte do consumidor, não se justifica que o cidadão tenha que pagar pelo aumento do custo da geração de energia e ainda um valor maior para cobrir tributos que incidem sobre a parcela adicional. Continuar lendo

Antonio Anastasia convida tucanos para Encontro de Lideranças do PSDB-MG

O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) convida os tucanos de todas as regiões do Estado para participar do Encontro de Lideranças do PSDB de Minas Gerais, que acontece na próxima segunda-feira (31/08), no Centro de Convenções do Hotel Dayrell – Rua Espírito Santo, 901 – Centro, de 14 às 17 horas.

Participarão do encontro, parlamentares federais e estaduais, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, presidentes de diretórios municipais e de comissões provisórias, além de pré-candidatos a prefeito e a vereador do PSDB de todo o Estado.

“Vamos discutir os rumos do nosso partido para as eleições municipais do ano que vem. Por isso, as lideranças e membros do partido, pré-candidatos para prefeitos devem estar em Belo Horizonte para discutir as perspectivas e prioridades para o partido em 2015 e 2016”, afirmou o senador. Assista

 

Em audiência presidida por Caio, entidades cobram transparência em mudanças de critérios para o Fies

caio-300x275A falta de transparência do governo sobre mudanças nas regras dos programas da Educação, entre eles o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), é a principal entrave que atinge as instituições de ensino superior, os estudantes que estão vinculados ao programa e aqueles que se inscreveram em cursos de universidades particulares na expectativa de obter o financiamento oficial.

Essa mudança de regras, sem transparência, e de forma açodada, foi o principal questionamento da reunião da audiência pública que debateu o projeto de lei 1427/15, de autoria do líder do PSDB na Câmara, deputado Carlos Sampaio (SP), já relatado pelo deputado Caio Narcio (PSDB-MG). Continuar lendo

Quebradeira do Postalis revela uma péssima governança, afirma Pestana

pestana

Críticas à gestão e à tomada de decisões do Postalis foram algumas das questões levantadas nesta terça-feira (25/8) pelo deputado federal Marcus Pestana (PSDB-MG) ao presidente do Instituto de Seguridade Social dos Correios (Postalis), Antonio Conquista, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apura irregularidades nos fundos de pensão.

Indicado pelo PT em 2012, Conquista é investigado por sua gestão na entidade, que apenas nos últimos dois anos, causou prejuízo de R$ 2,6 bilhões nas contas do fundo, segundo reportagem divulgada pela Revista Época.

“Essa situação de quebradeira total do Postalis, que coloca em risco o futuro dos trabalhadores dos Correios, revela uma péssima governança um fluxo decisório bastante frágil,” criticou Marcus Pestana ao direcionar perguntas ao atual presidente da Postalis, entre elas, sobre relacionamento do gestor com diversas empresas, administradoras de fundos e pessoas ligadas ao PT, como o ex-tesoureiro João Vaccari. Continuar lendo