Gestão petista: Atendimentos em BH estão prejudicados devido atraso de verba do Ministério da Saúde, diz CRM

Conselho mostra preocupação com a situação das unidades de saúde na capital mineira. Nesta terça-feira, médicos da Santa Casa BH entraram em greve

saude2

Os impactos provocados em Belo Horizonte e outros municípios mineiros por causa da falta de repasse de verba do Ministério da Saúde ligou o alerta do Conselho Regional de Medicina do Estado de Minas Gerais (CRM-MG). O problema está no aumento de reclamações das unidades de saúde sobre a falta de recursos essenciais para os atendimentos, principalmente ligado aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Nesta terça-feira, médicos da Santa Casa da capital mineira paralisaram as atividades por causa do atraso da verba destinadas ao custeio de cirurgias eletivas (agendadas previamente). É a população pagando pelo (des)governo do PT.

Leia matéria completa no jornal “Estado de Minas

Confira também Santa Casa não paga funcionários e acusa União de atraso em repasse de verbas

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s