PT requenta mais uma vez promessa do metrô de Belo Horizonte

Em relação à visita e as declarações do ministro da Cidades, Gilberto Kassab, em visita a Belo Horizonte, nesta terça-feira (02/06), o PSDB de Minas esclarece que:

Toda vez que Pimentel se vê em apuros ele apela para a promessa do Metrô. Nas eleições de 2004, quando estava mal nas pesquisas, ele trouxe a Belo Horizonte o então ministro Olívio Dutra para prometer o início da implantação das linhas 1 e 2 do metrô. Pimentel foi eleito prefeito e nada aconteceu. Como nada aconteceu no período em que ele foi ministro do Desenvolvimento do governo do PT. Hoje, mais de 10 anos depois da primeira promessa, refeita várias vezes pela presidente Dilma e pelo presidente Lula, vemos mais um capítulo da mesma novela.

Agora, para desviar a atenção de mais um escândalo que bateu à porta do PT de Minas, Pimentel volta a lançar mão do mesmo expediente.

É de conhecimento público que as obras de modernização e expansão do metrô são de responsabilidade do governo federal.

A última estação do metrô da capital mineira foi inaugurada durante o governo do presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), em 2002. Desde 2003, apesar das promessas constantes das campanhas dos presidentes Lula e Dilma, nenhuma grande obra foi realizada.

Nesse período, o governo do Estado, comandado pelo PSDB, cobrou ações e se dispôs a ajudar na elaboração dos projetos. O governo tucano propôs, inclusive, que fosse realizada a estadualização do metrô de Belo Horizonte para que o próprio Estado realizasse as obras, o que não ocorreu até hoje.

Em 2013, o governo de Minas, mesmo sem ser sua responsabilidade, publicou convênio, a pedido do governo federal, para elaboração do projeto de expansão do metrô e, em um ano, concluiu os trabalhos. Apesar de já estar há mais de um ano com os projetos das 3 linhas nas mãos, até agora o governo federal do PT não viabilizou nenhuma obra, sequer as licitou, e a população da Região Metropolitana de Belo Horizonte continua sofrendo com um metrô antigo, que não atende às necessidades.

Enquanto isso, o metrô de diversas cidades está pronto graças a recursos do governo federal do PT. Só o metrô de Porto Alegre, cidade da presidente Dilma por adoção, já recebeu mais de R$ 1 bilhão. Para o metrô de BH, apenas promessas.

Causa-nos estranhamento ainda o fato de o próprio ministro Gilberto Kassab, durante audiência pública no Senado Federal, em março deste ano, ter reconhecido o descaso do governo federal com Minas Gerais. Disse ele: “O Programa de Transporte Público sobre Trilhos, em especial na cidade de Belo Horizonte, sob a responsabilidade do Governo Federal, pouco avançou ou nada avançou nos últimos anos. A cidade carece da conclusão desses investimentos.”

O PSDB lamenta que há 13 anos os mineiros convivem com promessas vazias do PT. Por ineficiência, falta de planejamento e vontade política, o governo petista não conseguiu sair das promessas.

PSDB de Minas Gerais

Conheça alguns capítulos da interminável novela do metrô de Belo Horizonte:

Peganamentira-640x749

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s