Para Aécio, resultado do Ibope é positivo e mostra que campanha está crescendo

Foto Marcos Fernandes / Coligação Muda Brasil
Foto Marcos Fernandes / Coligação Muda Brasil

O candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, avaliou nesta sexta-feira (08/08) como positivo o resultado da pesquisa Ibope. A pesquisa mostrou o crescimento do nome de Aécio na intenção de votos do eleitorado. O candidato ressaltou que o levantamento indica que a campanha está aquecendo com possibilidade de segundo turno e chance de vitória.

“[A pesquisa é] extremamente positiva, até porque nós estamos ainda aquecendo os motores da campanha eleitoral, a campanha efetivamente ainda não começou e nosso nome vem crescendo de forma muito consistente”, afirmou Aécio durante visita a Botucatu (SP), acompanhado do governador de São Paulo e candidato à reeleição Geraldo Alckmin (PSDB) e de José Serra, que concorre ao Senado pelo partido. Continuar lendo

Aécio se compromete a combater o tráfico de drogas

Aécio esteve nesta sexta-feira em Botucatu, no interior de São Paulo. Foto Marcos Fernandes / Coligação Muda Brasil
Aécio esteve nesta sexta-feira em Botucatu, no interior de São Paulo. Foto Marcos Fernandes / Coligação Muda Brasil

O candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, se comprometeu nesta sexta-feira (8/08), em Botucatu (SP), a tratar a questão das drogas com foco na assistência social, na saúde e na segurança pública. Ele afirmou que a questão é uma das maiores tragédias do país e seu enfrentamento deve ter dois pilares: combate ao tráfico e programas de recuperação.

“A questão das drogas tem que ser tratada em duas vertentes. A primeira, o tráfico, com controle das nossas fronteiras, com polícia, com inteligência, com tudo que não vem acontecendo até aqui. E a segunda vertente é a da dimensão da vida”, disse ele, referindo-se à necessidade de dar apoio e tratamento aos dependentes químicos. O compromisso de enfrentar a questão foi firmado por Aécio durante visita à Clínica de Recuperação Recomeço, mantida em parceria com o governo do Estado de São Paulo e inaugurado em 2013 após investimentos de R$ 15,4 milhões. Continuar lendo

Grupo mineiro de funk canta Aécio “pra mudar o Brasil”

O grupo de funk Moleques de Aécio animou nesta sexta-feira o encontro do grupo de mobilização e voluntários da campanha de Aécio Neves à Presidência da República e colocou jovens e mulheres do PSDB para dançar e cantar ao ritmo da música “É pra mudar o Brasil”.

Formado pelos jovens de Governador Valadares, João Paulo Amaral, 20, Vítor Hugo Sabino, 17, Maike Henrique da Silva, 21, e Max Miller, 19, o grupo compôs a música durante um “adesivaço” na cidade mineira há três semanas.

A música empolgou os cerca de 160 presentes à reunião da Coordenação Nacional de Mobilização e Voluntariado com o refrão: “É pra mudar o Brasil. É pra mudar”. Uma das estrofes diz que os jovens estão “fechados” com Aécio e pede o voto no número 45 do PSDB na eleição presidencial de outubro. “Eu tô fechado com o Aécio. 45 eu carrego no peito. Se o assunto é política. Eu trato é com respeito. É pra mudar. É pra mudar o Brasil”.

Foi a primeira apresentação do grupo. Antes, eles haviam apenas cantando a música usando um megafone em atos para distribuir adesivos da campanha de Aécio em Governador Valadares.

O garoto Amaral conta que a letra da música surgiu de improviso e em forma de brincadeira com o amigo Sabino. Silva e Miller foram incorporados no dia seguinte quando os jovens se encontraram em outro ato de militância política.

A música empolgou os participantes do encontro que saíram da sede do diretório estadual do PSDB em São Paulo e foram colar adesivos em carros parados no semáforo da avenida Indianópolis , zona sul da capital paulista.

Confira uma apresentação do grupo

Voluntários da campanha de Aécio: voto é caminho para mudança no Brasil

voluntarios-aecio-neves

A Coordenação Nacional de Mobilização e Voluntariado da campanha de Aécio Neves à Presidência da República defendeu, nesta sexta-feira (8/08), a importância do comparecimento dos eleitores às urnas para tornar realidade o desejo de mudança do Brasil.

A posição faz coro à defesa de Aécio contra votos nulos e brancos. Durante reunião de mobilização de voluntários em São Paulo, foi apresentado um vídeo sobre o comparecimento às urnas, utilizando uma música com o seguinte refrão: “Vem para urna, vem votar, vem fazer a diferença, o Brasil quer o seu voto. Vem para a urna que compensa.”

O secretário-geral do PSDB do Rio de Janeiro, Miguel Fernández, fez uma defesa do comparecimento lembrando que votar em branco e nulo não é um protesto, mas uma postura favorável a manter o Brasil inalterado.

“Quem vota nulo e branco está sendo apático. Está corroborando com tudo o que acontece hoje no Brasil. O voto de quem foi para as ruas protestar no ano passado é na oposição. Branco e nulo não anula eleição”, afirmou Fernández, referindo-se à onda de protestos que ocorreu em diversas cidades brasileiras em junho de 2013.

No Vale do Mucuri, oposição se une em favor de Pimenta da Veiga

Em Teófilo Otoni, o prefeito Getúlio Neiva (PMDB) declarou apoio às candidaturas de Pimenta da Veiga e de Antonio Anastasia. Foto Nidin Sanches
Em Teófilo Otoni, o prefeito Getúlio Neiva (PMDB) declarou apoio às candidaturas de Pimenta da Veiga e de Antonio Anastasia

Entusiasmado com o apoio maciço das lideranças políticas das cidades que visitou – Carlos Chagas, Nanuque e Teófilo Otoni –, Pimenta da Veiga afirmou que fortalecerá o cooperativismo no Estado, além de dinamizar a economia para gerar mais oportunidade de emprego. “Queremos que os investimentos sejam prioritariamente dirigidos para esta região. Vamos também cuidar de preparar as pessoas, através de escolas técnicas profissionalizantes, para que os trabalhadores estejam mais aptos para aproveitar as oportunidades que, certamente, surgirão”, destacou Pimenta.

Em Teófilo Otoni, Pimenta e Anastasia participaram de uma grande carreata com quase 100 veículos. O prefeito Getúlio Neiva (PMDB) declarou apoio à candidatura tucana: “O trabalho de Aécio e Anastasia criou um ciclo virtuoso de desenvolvimento que tomou conta de Minas. Em Teófilo Otoni os números são claros: recebemos investimentos de R$ 276 milhões em vários setores. Mais R$ 160 milhões virão para o Hospital Regional. Nunca houve tantos investimentos na nossa região. A gratidão do Vale do Mucuri será garantir a vitória de Pimenta, Aécio e Anastasia”, disse o peemedebista.

Leia matéria completa 

Candidato do PT desclassifica índice do governo federal e desrespeita professores e alunos

Pimenta da Veiga durante o debate na TV Bandeirantes. Foto Hugo Cordeiro
Pimenta da Veiga durante debate na TV Bandeirantes, em BH. Foto Hugo Cordeiro

O candidato a governador pela Coligação Todos por Minas, Pimenta da Veiga, manifestou, hoje (08/08), estranheza com o fato de o candidato do PT, durante debate na TV Bandeirantes, ter “desqualificado” o Ideb, um dos principais indicadores da Educação Pública no Brasil, segundo o qual Minas Gerais tem o melhor ensino básico do país nos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º).

Para Pimenta, o candidato do PT desclassificou um índice adotado pelo governo do seu partido e desconsiderou o trabalho feito na rede estadual de ensino de Minas Gerais. “Desqualificar o desempenho das nossas escolas é um desrespeito aos professores mineiros e aos estudantes do nosso estado, os verdadeiros responsáveis por colocar a nossa educação em destaque no Brasil”, afirmou.

Ao falar sobre a educação em Minas, durante o debate na TV, o candidato do PT afirmou: “Não tem nenhum índice que comprove que nós tenhamos a melhor educação do Brasil. Fizeram as provas do Ideb limitadas a apenas 70 escolas do Estado entre as 3.600 que o Estado tem. Quer dizer, é um simulacro”.

Na verdade, em Minas, onde a rede estadual possui 3.674 escolas, a prova foi aplicada nas 2.977 unidades onde há ensino fundamental e para todas elas é possível consultar a nota do Ideb. Continuar lendo