Governo Federal dobra valor de pedágio das BRs de Minas

Publicado no jornal Folha de S.Paulo – 28/09/13

Governo quase dobra tarifa-teto de vias em MG

BR-040 e BR-116 tiveram leilão suspenso antes

O governo quase dobrou as tarifas-teto de pedágio das BR-040 (DF-MG) e BR-116 (MG). Os novos valores propostos numa consulta pública lançada hoje são de R$ 7,38 por 100 km para a BR-040. Já para a BR-116, o preço é de R$ 12,31 por 100 km.

Os valores estão, respectivamente, 49% e 96% maiores que as tarifas propostas na tentativa anterior de leiloar essas rodovias, no início deste ano, quando eram de R$ 4,95 e R$ 6,27. Continuar lendo

Giba do vôlei se filia ao PSDB e tem projetos na área esportiva para crianças e jovens

aecio e giba

O medalista olímpico do vôlei Gilberto Amauri Godoy Filho, o Giba, de 36 anos, filiou-se neste sábado (28) ao PSDB.

Giba disse que acompanha atentamente a política paranaense e nacional. Segundo ele, seu pai trabalhou com José Richa (pai do governador Beto Richa), em Londrina, o que o estimulou a ingressar no PSDB.

“Há muitos projetos já em desenvolvimento e outros que podem ser colocados em prática para estimular o esporte e o vôlei para as crianças e os adolescentes”, disse Giba, que atualmente joga em Taubaté, no interior de São Paulo. “Estou sempre em contato com prefeitos, governadores e embaixadores falando sobre isso.”

O jogador afirmou que não tem planos, por enquanto, para lançar-se em uma campanha política, mas considera importante estar vinculado a um partido que possa colocar em prática projetos eficientes.

“Fui convidado por vários partidos políticos e de vários estados diferentes. Mas não vejo sentido estar em um local que não seja o Paraná, onde nasci e estão os meus filhos”, comentou.

O governador do Paraná, Beto Richa, elogiou a filiação. Segundo ele, o atleta fará a diferença no PSDB por ser “sério, competente e trabalhador”. Richa disse ainda que Giba tem preocupações em desenvolver ações que estimulem as crianças e os jovens a ter uma vida saudável e vinculada ao esporte.

Com 1,92 m e pesando 85 quilos, Giba joga como passador-atacante. Desde os 12 anos é atleta. Jogou em várias equipes brasileiras e também no exterior. Em 2006, foi eleito o melhor jogador do mundo após o título do campenato mundial.

Fonte: Site PSDB

“Os jovens fazem a diferença na vida política”, diz Aécio Neves

Ao falar aos jovens, em Curitiba, Aécio Neves ressaltou que a juventude tem um papel essencial na vida política do Brasil. Foto Orlando Brito
Ao falar aos jovens, em Curitiba, Aécio Neves ressaltou que a juventude tem um papel essencial na vida política do Brasil. Foto Orlando Brito

O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), ressaltou, neste sábado (28), que a juventude tem um papel essencial na vida política do Brasil.

Durante o Encontro Regional do Sul com os jovens tucanos, Aécio destacou a relevância da militância e do trabalho a ser desenvolvido para a retomada da credibilidade no país.
“É essa rapaziada, são vocês [os jovens], que vão fazer essa diferença. Quem tem militância e coragem é o PSDB”, disse o senador, aplaudido por cerca de 300 jovens presentes.
“Estamos hoje tratando de reorganizar o partido. O primeiro passo é o resgate da ética na administração pública. Vamos estar todos nós absolutamente unidos. É a nossa unidade que vai nos levar à vitória”, reiterou.
O ex-presidente da Juventude Nacional do PSDB, Marcello  Richa, acrescentou que no Sul será iniciado um processo que ele chamou de “mobilização do bem”.  “Iniciaremos a partir do Sul um movimento de pessoas de bem que quer ver o Brasil no rumo”, observou.
O presidente da Juventude Nacional do PSDB,  Olyntho Neto (TO), disse que o esforço será para buscar a unidade da legenda para a consolidação das propostas.
“Quero que o senhor olhe bem [nos olhos das pessoas que estão aqui] e veja o brilho nos olhos dos que desejam mudar. É a vontade de ver um país melhor, quero que o senhor confie nesses jovens. Vamos estar em todo o  país.”
Fonte: Site PSDB

Principais nomes do PSDB na região Sul se reúnem em Curitiba

Os encontros regionais serão realizados pelo PSDB até o final do ano para discutir problemas e elaborar propostas a serem apresentadas à população pelo partido. Foto Orlando Brito
Os encontros regionais serão realizados pelo PSDB até o final do ano para discutir problemas e elaborar propostas a serem apresentadas à população pelo partido. Foto Orlando Brito

O encontro regional do PSDB, nesse sábado (28/09), em Curitiba, selou a união dos principais nomes da legenda em torno do novo projeto tucano. Mais de duas mil pessoas participaram do encontro, que reuniu o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, o governador Beto Richa, o senador Álvaro Dias, além de outras lideranças, marcando o importante reinício da construção da agenda do PSDB.

“Vejo hoje juntos, pela responsabilidade com o Paraná e com o Brasil, dois dos mais extraordinários homens públicos que conheci, governador Beto Richa e senador Álvaro Dias. Hoje é um momento de convergência, de reencontro do PSDB com a sua própria história e, cada vez mais, de forma afirmativa, vamos dizer ao Brasil que este ciclo de governo do PT, em benefício dos brasileiros, merece ser encerrado”, disse Aécio.  Ouça discurso 
Os encontros regionais serão realizados pelo PSDB até o final do ano para discutir problemas e elaborar propostas a serem apresentadas à população pelo partido no próximo ano. O próximo grande evento será realizado em novembro, na região Norte.
Discriminação por parte do governo do PT
Durante sua passagem por Curitiba, o senador Aécio Neves discutiu com o governador Beto Richa, o senador Álvaro Dias e lideranças da região a discriminação que Paraná e Santa Catarina vêm sofrendo por parte do governo federal. Além de receber menos recursos que outros estados, o governo paranaense tem tido dificuldades para conseguir autorização federal para captar empréstimos de organismos internacionais, embora tenha situação fiscal melhor que muitos outros estados brasileiros.
“O Paraná sofre uma inaceitável discriminação por parte do governo federal que mostra o caráter pouco republicano da atual presidente da República. O Paraná sozinho produz na agricultura, em grãos, mais que 20 estados somados. No primeiro semestre, não fosse o crescimento do agronegócio, assim como no ano passado, o país teria resultados negativos na economia. Se o objetivo dessa atitude é discriminar um governo eleito democraticamente como governador de oposição, o tiro acerta o alvo errado. Acerta a população do estado do Paraná”, disse Aécio Neves.
O andamento das obras do PAC na região Sul revela o descaso que Paraná e Santa Catarina vêm sofrendo. Do total de 48 obras previstas no programa para o Sul do país, 29 não foram sequer empenhadas. Para Santa Catarina, foi prometido R$ 1,14 bilhão. No entanto, foram empenhados apenas 53,07% desse valor e liquidado 1,29%. Para o Paraná o governo federal reservou R$ 547 milhões, o valor mais baixo da região. Desse montante, foram empenhados 26% e liquidados 7,26%.
Valores e desempenho do PAC na Região Sul
Brasil
Dotação orçamentária: 53,06 bi
PR
Dotação orçamentária: 547 mi
Empenhado: 26%
Liquidado: 7,26%
SC
Dotação orçamentária: 1,14 bi
Empenhado: 53,07%
Liquidado: 1,29%
 
RS
Dotação orçamentária: 1,37bi
Empenhado: 62,44%
Liquidado: 10,46%