Minas Gerais vai à Nova York divulgar a Copa

Estágio atual das obras do Mineirão: conclusão de 78% da terceira e última etapa da modernização. Foto Sylvio Coutinho/Divulgação

Na Semana em que se festeja em Nova York o Brazilian Day, o Governo de Minas Gerais apresentará aos jornalistas e agentes de viagem americanos os preparativos do Estado para a Copa das Confederações 2013™ e Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014TM.

Na Copa da África, os Estados Unidos foram o país que mais comprou ingressos avulsos. Os americanos adquiram 110.606 ingressos. O segundo maior volume foi destinado ao Reino Unido com 64,6 mil bilhetes. Os dados são da FIFA.

“Faremos o Minas Day em Nova York. O objetivo é atrair cada vez mais turistas para Minas Gerais, e a Copa é uma excelente oportunidade para mostrar ao mundo nossa capacidade de realizar eventos de grande porte, e também as belezas e potencialidades do nosso Estado”, afirma Alberto Pinto Coelho, vice-governador de Minas Gerais e presidente do Comitê Gestor das Copas.

Objeto desconhecido

No encontro com a imprensa e agentes de viagem norte-americanos, nesta terça-feira (04/09)o vice-governador fará uma apresentação mostrando, entre outros temas, o Mineirão, cuja reforma ficará pronta em dezembro deste ano, e o estádio Independência, reinaugurado em abril último. O Independência é um cenário histórico para os EUA, afinal, na Copa de 1950, foi lá que a seleção americana venceu os ingleses por 1 x 0.

Para o vice-governador, a partir do Mineirão, como estádio da Copa, é possível apresentar Minas Gerais. “O Mineirão é um bem tombado e estão, em Minas, 60% de todo o Patrimônio Cultural e Histórico do país. O Mineirão é uma parceria público-privada e  acabamos de receber o prêmio de Melhor Programa de PPP do Mundo, além disso, vamos reforçar para os investidores externos que Minas foi classificada pela  agência Standard & Poor’s  como AAA, o mais alto grau de investimento”.

Em julho deste ano a agência Standard & Poor’s atribuiu a Minas Gerais o rating AAA na escala brasileira, o que configura como nota de grau de investimento, segundo a escala da agência. Já o prêmio de melhor programa de PPP do Mundo foi concedido pela revista britânica World Finance, uma publicação especializada em finanças e reconhecida internacionalmente.

O ‘Minas in New York’ está sendo realizado pelo Governo de Minas em parceria com a prefeitura de Belo Horizonte, Sebrae MG, Sistema Fecomércio/Senac/Sesc – MG, Cemig, Mãos de Minas e conta com o apoio da Embratur e do Consulado Brasileiro em Nova York.

Após o Minas in New York, empresários mineiros ligados ao setor de turismo e agronegócios permanecerão em Nova York para visitar empresas americanas.

“A intenção é mostrar o que os torcedores americanos poderão vivenciar em Minas entre um jogo e outro”, explica Ludimila Kai, técnica da Secretaria de Estado Extraordinária da Copa do Mundo. “Esses torcedores poderão conhecer as cidades históricas, Inhotim, parques e muitos outros cartões postais mineiros. Produtos como café, cachaça e o tradicional queijo Minas, patrimônio Histórico Nacional, serão usados como símbolos do Estado.”

Segundo a Embratur, a expectativa é de que Minas receba  200 mil turistas estrangeiros e 430 mil brasileiros. Minas sediará na Copa das Confederações da FIFATM, três jogos, sendo uma semifinal. Na Copa do Mundo da FIFAserão seis jogos no Mineirão, incluindo a semifinal brasileira caso a seleção se classifique.

Fonte: Agência Minas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s